Redes Sociais Facebook Twitter YouTube Google Plus LinkedIn
Você sente dores no corpo e rigidez pela manhã? Você pode estar com Fibromialgia!

Fibromialgia

Nos pacientes de fibromialgia, essas são as
regiões do corpo mais afetadas pela dor.

Você sente dores no corpo
e rigidez pela manhã?
Você pode estar com Fibromialgia!

Leia essa matéria e tire todas as suas dúvidas sobre a fibromialgia, causas, sintomas e tratamento.

Você sabe o que é a Fibromialgia?

A palavra Fibromialgia significa "dor nos músculos e nos tecidos fibrosos" (ligamento e tendões).

Fibromialgia é uma doença que se caracteriza por uma dor espalhada por todo o corpo, que só foi oficialmente reconhecida como “doença” em 1981, num congresso de medicina nos Estados Unidos.

Alguns médicos consideram a fibromialgia como um tipo de reumatismo.

As regiões mais afetadas são: ombros, braços, pescoço, quadril, pernas e costas.

As mulheres são as maiores vítimas da fibromialgia. Esta doença é oito vezes mais frequente em mulheres do que em homens.

Causas da Fibromialgia:

Numa pessoa saudável, quando o corpo se exercita, ou se movimenta, o organismo produz automaticamente a serotonina, que tem a função de proteger os músculos de dores. Por motivos ainda desconhecidos, quem tem fibromialgia produz pouca serotonina. Assim, basta uma pequena sobrecarga das articulações, para que a dor apareça.

Fatores que Desencadeiam a Fibromialgia:

1) Externos - Clima úmido, sedentarismo (falta de exercícios) postura incorreta.

2) Internos - Depressão, ansiedade e problemas emocionais.

Principais Sintomas:

1) Dores começam numa área específica do corpo e depois se estendem para o corpo. Por exemplo: o ombro ou a coluna lombar.

2) Rigidez generalizada do corpo ao se levantar de manhã e inchaço nas mãos e nos pés. Formigamentos nas mãos também são comuns.

3) Cansaço excessivo se mantém durante quase todo o dia (semelhante à fadiga crônica). Sensação de falta de total energia.

4) Enxaquecas constantes.

5) As mulheres sofrem com dores na menstruação e secura na boca.

6) Ansiedade e depressão.

7) Insônia, pois a pessoa não encontra posição confortável para dormir em virtudo das dores.

Diagnóstico:

O médico só consegue identificar a enfermidade pressionando, com o polegar, 18 pontos pré-estabelecidos do corpo. Se pelo menos 11 pontos estiverem doloridos, a doença é diagnosticada.

Exames laboratoriais podem ser solicitados para excluir outras possíveis causas da dor, como diabetes ou hipertireoidismo, que podem simular a fibromialgia.

Uma pessoa com fibromialgia pode não apresentar sintomas por longos períodos, mas fatores físicos e emocionais podem desencadear manifestações da doença ao longo de toda sua vida.

Como tratar a Fibromialgia:

Não existe cura para a fibromialgia, nesse sentido, o tratamento é preventivo e terapêutico, e envolve cuidados multidisciplinares, como:

  • Atividade física (alongamento e fortalecimento muscular)
  • Massagem
  • Acupuntura
  • Técnicas de relaxamento
  • Acompanhamento psicológico (se necessário, uso de antidepressivos)
  • Melhorar a qualidade de vida (alimentação, lazer, sono, trabalho, etc.)
  • Uso de medicamentos analgésicos e antiinflamatórios.

 

Sites Profissionais e Hospedagem